Após repercussão, sequestradoras de menino de 3 anos devolvem criança no DF



 

As duas mulheres que sequestraram o garoto Erick Yago, 3 anos, na noite dessa segunda-feira (5/10), entregaram a criança para a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) na noite desta terça-feira (6/10). A dupla teria ficado receosa com a repercussão do caso.

Segundo informações da PMDF, as mulheres haviam feito contato com Erica Lorrainy, mãe do menino, tentando achar um jeito de fazer a devolução. “O pai da criança passou o telefone para a gente, nós falamos o que poderia acontecer nesse caso e elas concordaram em devolver a criança”, explica o sargento Marcelo Henrique.

No endereço combinado, as duas mulheres apareceram com a criança e foram levadas para a 15ª Delegacia de Polícia (Ceilândia Centro), responsável pela investigação.

Após prestarem depoimento, ambas foram enquadradas no artigo 237 do Estatuto da Criança e do Adolescente, que prevê pena de 2 anos a 6 anos de reclusão, além de multa, para quem “subtrair criança ou adolescente ao poder de quem o tem sob sua guarda em virtude de lei ou ordem judicial, com o fim de colocação em lar substituto”.

De lá, as mulheres seguiram para o Departamento de Polícia Especializada, da Polícia Civil, onde passariam a noite. Uma audiência de custódia será marcada em breve para definir se as acusadas permanecerão presas ou responderão ao processo em liberdade.


Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário