“Cuidado com os candidatos que só aparecem nas igrejas em época das eleições”, alerta pastor


As Eleições de 2018 se aproximam e alguns candidatos já começam a sondar pastores para conquistar votos e alcançar os cargos almejados, quer seja para Presidência da República, cargo de governadores, deputados distritais, deputados federais ou senadores.
Até mesmo pessoas que não compartilham da mesma fé se aproveitam de líderes e fazem trocas por apoio político, chegam nas igrejas com a desculpa de “pedir oração” e no fundo estão pedindo votos.
Ciente dessa prática, o pastor Otoni de Paula escreveu uma nota alertando as igrejas para que tomem cuidado com esses políticos que depois de alcançarem seus objetivos se esquecem das igrejas e não cumprem com o que prometeram.
“Em geral, colocam-se a disposição da comunidade evangélica prometendo até o que não podem cumprir”, alerta o pastor. Otoni de Paula lembra que o ministro da Fazendo, Henrique Meirelles, esteve recentemente na posse de Wellington Júnior como presidente da CGADB. Jornais indicam que ele tentará se candidatar para a Presidência da República.

Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário