Padrasto é preso acusado de estuprar enteada de 6 anos; a criança confirmou o abuso


Central de Informações da 88ª CIPM recebeu uma solicitação de atendimento sobre uma denúncia de Estrupo de Vulnerável a uma menor de 6 anos, na noite desta segunda-feira (02), por volta das 21h. O fato teria acontecido em uma propriedade rural, que fica às margens da BR 418, próximo ao Distrito de Taquari, no município de Caravelas. Segundo relatos da genitora da criança, possivelmente ela teria sido abusada pelo seu padrasto.
O padrasto trata-se de John Marcos Pereira Barbosa (22 anos), e que é seu companheiro há aproximadamente 3 anos, e que ele é oriundo do Estado de Minas Gerais, de onde teria chegado há pouco tempo. A Central realizou contato com o Conselho Tutelar para acompanhar a guarnição até o local. Ao chegarem na referida propriedade, os militares e os conselheiros foram recebidos pela a mãe da criança e outros familiares.
A mãe da vítima relatou que o John teria ido em um cômodo que fica fora da casa, para pegar um colchão, e teria levado a criança junto com ele. Ao perceber que eles estariam demorando, ela foi ver o que teria acontecido.

   Quando a mesma adentrou no referido cômodo, flagrou a criança com a calcinha no joelho e o seu companheiro com o órgão genital exposto. 

A mãe da vítima, então, tirou a criança de dentro do quarto e companheiro dela disse que não teria feito nada com a enteada.
A mãe saiu com a criança e levou para outro cômodo da casa, e pediu para ela relatar o que o acusado teria feito com ela. A criança confirmou o abuso, e diante dos relatos, ela procurou membros da sua família, que a motivaram a ligar para a Polícia e fazer a denúncia. Após os relatos da mãe da vítima, os militares deram voz de prisão para o suspeito, que em momento algum, se manifestou, ficando calado o tempo inteiro.
O mesmo foi conduzido pelos militares para a sede da 8ª COORPIN, em Teixeira de Freitas, na presença dos conselheiros tutelares, e da mãe da vítima.

   O acusado foi apresentado ao delegado plantonista, Maderson Souza, que solicitou de imediato avaliação do perito/médico do DPT/IML, o qual realizou os exames iniciais, e constatou que não houve o rompimento do hímen, mas, a vítima relatou para o perito tudo que o acusado teria feito com ela.

O perito, então, realizou coleta de matérias para exames complementares e o delegado Maderson, após oitiva, e com o relatório preliminar do perito, autuou em flagrante o acusado John Marcos por estupro de vulnerável.
Ele foi conduzido para a carceragem, onde já se encontra à disposição da Justiça Criminal da Comarca de Caravelas. O mesmo deverá ser transferido para o Conjunto Penal de Teixeira de Freitas (CPTF), nesta terça-feira (03), após Audiência de Custódia.


Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário