Morre homem que estava ao lado de travesti assassinada em Taguatinga

Morreu, nesta quarta-feira (13), o homem que estava ao lado da travesti assassinada na CSG 02, próximo ao Terminal Rodoviário de Taguatinga Sul, na última sexta-feira (8). Na ocasião, ele levou dois tiros nas costas e um na perna direita e foi encaminhado ao Hospital de Base, mas não resistiu aos ferimentos.
Já a travesti, de aproximadamente 30 anos, foi atingida na cabeça por um disparo de arma de fogo e morreu ainda no local do crime.
De acordo com a Polícia Militar, os disparos teriam sido efetuados por duas pessoas em um carro. A polícia trabalha com a hipótese de acerto de contas, uma vez que as vítimas já eram investigadas pelo crime de rufianismo – que lucra pela exploração sexual alheia.
Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário