Câmara Legislativa pode derrubar aumento de passagens nesta quinta (12/01)

Os passageiros que utilizam o transporte público no Distrito Federal diariamente acordaram nesta quinta-feira (12/2) com uma pergunta: será que o aumento nas passagens de ônibus e metrô será derrubado? A resposta deve ser dada a partir das 15h, quando está marcada uma sessão extraordinária da Câmara Legislativa exclusivamente para votar o projeto de decreto legislativo (PDL) que pode sustar o reajuste.

Rollemberg, aliás, viu frustradas as articulações de quarta (11) na tentativa de manter os valores atuais das tarifas — que chegam a R$ 5 no caso do metrô e das linhas longas e de integração. Na manhã, o governador se encontraria com a base, mas a reunião foi adiada para as 19h30. Pouco antes, no entanto, o socialista cancelou o encontro alegando problemas na agenda. Na realidade, nenhum distrital tinha confirmado presença.

Um dos principais argumentos para derrubar o aumento nesta quinta (12) é que a decisão de Rollemberg foi ilegal. O aumento, segundo distritais do grupo formado para elaborar o PDL, só poderia ter sido concedido depois que o Executivo tivesse exaurido todas as alternativas. A legislação ainda determina que o Conselho de Transporte do DF seja ouvido antes de reajustes nas passagens. Esse rito, no entanto, foi ignorado pelo GDF, que extinguiu o órgão em 2015, sob a alegação de economia de recursos.

FONTE : METROPOLES
Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário