Com tornozeleira, preso da Falso Negativo é baleado em assalto em Samambaia


 

Preso no âmbito da Operação Falso Negativo, que apura irregularidades na aquisição de testes para detecção da Covid-19, o ex-assessor especial da Secretaria de Saúde Ramon Santana Lopes Azevedo (foto em destaque) foi baleado durante tentativa de latrocínio ocorrida na tarde dessa terça-feira (27/4), em Samambaia. Ramon ficou preso por três meses no Complexo Penitenciário da Papuda e, desde novembro do ano passado, cumpre medidas cautelares.

Uma dupla de ladrões rendeu a namorada de Ramon, Luana Fonseca da Costa, que estacionava seu veículo na QR 211. Os criminosos tinham a intenção de roubar o veículo, um VW Golf. A vítima gritou por socorro e chamou a atenção de Ramon, que estava dentro da residência.

Quando chegou ao local, o ex-assessor tentou defender a namorada e evitar o roubo. Ele chegou a dar um soco em um dos criminosos. Em seguida, o outro suspeito sacou uma arma e abriu fogo. O disparo atingiu o quadril de Ramon, que caiu sangrando. Assustados, os bandidos fugiram sem levar o veículo.

A namorada do ex-assessor o colocou dentro do carro e seguiu para o Hospital Regional de Taguatinga (HRT), onde ele foi atendido. Apesar do tiro à queima-roupa, o Metrópoles apurou que Ramon Azevedo entrou na emergência da unidade de saúde andando, com tornozeleira eletrônica. Ele não corre risco de morte.

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário