Homem mata mulher enforcada em Samambaia



 Na tarde dessa sábado (27/03) se apresentou na 26° DP, V.F.S.C, com seu advogado, contando ter matado a companheira EVELYNE ISHIYAMA OGAWA.

O feminicídio foi na quadra 301 em Samambaia sul, no Condomínio Viver Melhor.
O autor confessou que matou EVELYNE enforcada, ontem (26/03), por volta das 22h e ainda disse que havia deixado o apartamento trancado. Os policiais se deslocaram até o local onde foi encontrado o corpo.
Vinícius Fernando Silva Camargo, marido, confessou o crime e se entregou na tarde deste sábado (27/3), por volta da 16h. Ele compareceu à 26ª Delegacia de Polícia, em Samambaia Norte, com um advogado. Policiais foram até o apartamento, que estava trancado, e encontraram o corpo.
Evelyne deixa um filho de sete anos. Segundo o colega de trabalho Luciano Lima, jornalista e radialista, eles trabalhavam juntos há oitos ano. Desde que começou o relacionamento Vinicius, Luciano quase não a via sem ele. Muito discreta, ela já havia comentado vagamente sobre a vontade de se separar, mas sem mais detalhes. O amigo e colega Idovan Araújo conta que era visível que ele era um homem agressivo.
Antecedente
Vinicius já havia, em 2017, agredido uma ex-namorada. Em entrevista ao Correio, na época, a vítima afirmou: "Tenho medo que ele volte para terminar o que começou". De acordo com ela, a agressão teria começado após uma discussão simples.Ela chegou a ficar desacordada. O segurança de uma ótica vizinha à casa pediu auxílio a duas viaturas policiais que passavam pelo local. Consta na ocorrência que "a Polícia Militar teve de arrombar a grade de entrada do apartamento, bem como a porta do quarto onde a vítima estava trancada para prestar o socorro devido". Na residência, os PMs teriam encontrado a mulher sentada na janela e com lesões no rosto e no pescoço.
Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário