Após 49 dias internada com Covid-19, técnica de enfermagem da UPA de Samambaia recebe alta


Visão Hospital de Olhos
Aluta de Sâmia Regina, técnica em enfermagem de 57 anos, contra o novo coronavírus chegou a fim nesta quinta-feira (02/07), com um final feliz. Após quase dois meses internada com a Covid-19, ela recebeu alta do hospital DF Star, na Asa Sul.
Sâmia estava internada desde maio, quando foi infectada pelo vírus. Ela atuava na linha de frente, na UPA de Samambaia. Ao todo, foram 50 dias de internação – 33 deles, em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em estado grave. Sâmia ficou com 60% dos pulmões comprometidos, respirando por meio de traqueostomia. Ela não falava e se alimentava por aparelho.

Durante o período em que esteve na unidade hospitalar, a profissional precisou realizar transfusão de sangue e passar por reabilitação motora e de fala.
Ela ainda revela que adquiriu neuropatia, infecção nos tendões. “Meus dois pés ficaram bastante inchados devido ao longo tempo em que fiquei deitada. Mas já estou tomando remédios e o meu pé direito está bem melhor”, celebra.

Até o início da noite de quarta-feira (01/9) os dados do boletim divulgado pela Secretaria de Saúde (SES-DF) computava um número de 2.253 trabalhadores da saúde contaminados pelo novo coronavírus.



Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário