Gestantes já sente os benefícios com as reformas e atendimentos no Hospital de Samambaia



O Hospital Regional de Samambaia (HRSam) inovou e vem realizando um atendimento cada vez mais humanizado com as gestantes, puérperas e familiares. Desde o mês de agosto o hospital recebe as grávidas encaminhadas pelas UBS para conhecer o hospital e os procedimentos adotados pela unidade.
A gestante Juliana de Souza, 35 anos, se sentiu mais tranquila com a oportunidade de visitar o hospital e conhecer seus direitos. “Na primeira gestação, 17 anos atrás, a gente não tinha essa estrutura. Então, é um tempo diferente. Para mim, é muito importante”, reflete a mãe.
Outra iniciativa visa a incentivar a participação dos pais durante o tempo de permanência de mães e bebês no hospital. Foi criado o certificado Pai Nota 10, entregue a todo pai que acompanhou o pré-parto, parto e pós-parto.

Feliz por receber o certificado, Walisson Vinícius conta que acompanhou todos os momentos, da gravidez ao parto. “A sensação é de felicidade ao pegar o bebê logo após o nascimento. Já consigo fazer tudo no cuidado da minha filha”, relata o pai.
Foram realizados 3.910 partos no HRSam, de janeiro a novembro, sendo 1.282 cesáreos e 2.628 normais. A unidade também realiza procedimentos na Cirurgia-Geral, que somaram 2.978 operações neste ano.
HospitaisTanto o Hospital Regional de Taguatinga (HRT) quanto o de Samambaia (HRSam) estão passando por manutenção. Os prédios antigos não vinham recebendo o cuidado adequado e agora passam por diversas melhorias. O orçamento para o HRT é de R$ 1,7 milhão e deve custear as manutenções de parte da rede elétrica, troca de piso, das esquadrias do ambulatório e do prédio principal, pintura de algumas áreas e a manutenção das galerias de serviço, que ficam abaixo do subsolo da unidade, por onde passam redes de água, esgoto, eletricidade e a tubulação de oxigênio.

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

1 comentários:

  1. O atendimento está ótimo, agora quanto a este certificado eu fiquei sem. ninguem soube explicar.

    ResponderExcluir