Carros que trafegam nas faixas exclusivas para ônibus na EPNB sentido Samambaia, já estão sendo multados



LG RASTREAMENTO
Os carros que trafegam nas faixas exclusivas para ônibus na EPNB (Estrada Parque Núcleo Bandeirante), no Distrito Federal, já estão sendo multados. A punição para quem não respeita a exclusividade do transporte coletivo é multa de R$ 88,00 e três pontos na carteira.
Até a última semana, os condutores só recebiam notificações educativas. Agora, o DER-DF (Departamento de Estradas de Rodagem) informou que as multas já estão sendo aplicadas.


O DER-DF informou que essa pistas exclusivas foram criadas para privilegiar e dar mais rapidez ao transporte coletivo. Estudos da Secretaria de Transporte e Mobilidade mostram uma economia de 20 minutos nas viagens de ônibus quando utilizam as vias expressas.
PISTAS EXCLUSIVAS FORAM ESTENDIDAS
A Secretaria de Transporte e Mobilidade do Distrito Federal e o DER-DF estenderam, em dias úteis, a faixa exclusiva para ônibus, táxi e transporte escolar da Estrada Parque Núcleo Bandeirante (EPNB / DF-075).


A alteração ocorreu nos dois sentidos (Núcleo Bandeirante/Samambaia e Samambaia/Núcleo Bandeirante) e está valendo desde agosto.
A reativação de aproximadamente 3 km no final da faixa no sentido crescente (Samambaia/ BR-060) foi definido após análise da engenharia de trânsito, que considerou viável a mudança e constatou que a ação beneficiará os usuários de transporte coletivo.
Diariamente, os coletivos passam 1.063 vezes pelas faixas exclusivas da EPNB. Ao todo, transportam 174.503 pessoas, o que representa 60% dos usuários da via. Com a medida, as viagens serão até 16 minutos mais rápidas, segundo informações do Governo do Distrito Federal.
Onde começa e termina a faixa exclusiva:
A partir do km 0 da EPNB (sentido crescente: Núcleo Bandeirante / Samambaia), a faixa continua com seu início no km 2,5, na altura da linha férrea. Na outra extremidade, a faixa termina 100 m antes da alça do viaduto de Samambaia.
No sentido contrário (decrescente: Samambaia / Núcleo Bandeirante), a faixa começa após o viaduto de Samambaia, aproximadamente 100 m antes da passarela de pedestres. Na outra extremidade, a faixa continua com seu início no km 2,5, na altura da linha férrea.
Nos primeiros 30 dias de modificação, a ação foi apenas educativa, sem autuação para os motoristas de veículos leves, especificamente nestes trechos. Após esse prazo, os condutores já podem ser autuados de acordo com o artigo 184 do Código Brasileiro de Trânsito (CTB), com multa leve, de R$ 88,38, e três pontos na carteira.
Jessica Marques para o Diário do Transporte

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

2 comentários:

  1. Piorou o trânsito pra todo mundo, os ônibus ficam presos no engarrafamento essa pista exclusiva já era desse jeito e na época viram que não deu certo e agora algum "inteligente" da engenharia que ainda não viu o resultado disso resolveu voltar com essa faixa

    ResponderExcluir
  2. Não sei onde esse engenheiro viu melhora. Porque os ônibus do riacho fundo 2 por exemplo ficam no engarrafamento antes deentrarna br. Fico mais de 15 minutos só pra sair do riacho. A faixa devia começar so no viaduto do pistão sul. Desafogaria o transito ate para os ônibus. Porque por causa da faixa todos do riacho tem que entrarna faixa do meio por causa da faixa exclusiva. A saida do riacho é faixa unica, vira uma bagunça.

    ResponderExcluir