PCDF apreende adolescentes em Samambaia que ameaçaram ataques em escolas




A Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC), da Polícia Civil do DF, apreendeu dois adolescentes, de 13 e 15 anos, envolvidos em ameaça a escolas da rede pública de Samambaia.



Os menores foram localizados na QR 516 da região administrativa, nesta sexta-feira (22/3). A unidade policial chegou aos suspeitos após ser acionada pela Secretaria de Educação. As ameaças foram feitas no Instagram. No vídeo postado pelos acusados, há imagens de pessoas armadas fazendo menção de realizar um “massacre” nos estabelecimentos de ensino.
De acordo com o delegado Giancarlos Zuliani Junior, da DRCC, ambos estudam em uma escola de Samambaia. O adolescente de 13 anos seria o responsável por criar uma página no Instagram com as ameaças. Entre as mensagens: “É melhor nem colar nas escolas amanhã porque o bagulho vai estourar”. Em outra, dizia: “Não adianta marcar polícia não porque nois mata (sic) eles também”.

Mesmo tendo apagado a página, os policiais chegaram aos suspeitos. E o delegado diz que os pais também podem ser responsabilizados, inclusive responder na esfera civil, com possíveis indenizações por danos morais. “Já existem casos semelhantes na Justiça”, ressaltou.

As apreensões ocorrem dois dias depois o secretário de Segurança Pública do DF, Anderson Torres, informar que inteligência do Governo do Distrito Federal (GDF) identificou 11 responsáveis por fazer ameaças na internet a escolas públicas do DF. “Queremos esclarecer que essas pessoas estão sendo monitoradas e serão responsabilizadas”, disse, na ocasião.

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

1 comentários:

  1. Mesmo com essas ameaças.eu não vejo polícia nas escolas.. E uma falta de segurança .tem que ter uma viatura na porta da escolas .

    ResponderExcluir