Mãe e tia-avó de criança, que foi filmada comendo ração, são indiciadas por maus-tratos


A mãe e a tia-avó do menino de 2 anos filmado comendo ração  foram indiciadas pela Polícia Civil de Goiás por crimes de maus-tratos e por submeter à vítima, uma criança que sofre de deficiência motora, a constrangimento. O inquérito foi concluído na tarde desta segunda-feira (16). Atualmente, a criança está morando com o pai.
O caso aconteceu em Trindade, Região Metropolitana de Goiânia, e foi encaminhado à Justiça, que deve repassar o processo ao Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO). Após o repasse do caso, o órgão deve decidir se vai ou não denunciar a mãe e a tia-avó pelos crimes.
A defesa das indiciadas informou que ainda não tomou conhecimento da decisão da Polícia Civil e que só irá se posicionar após a apreciação do inquérito.
O caso foi registrado no início desse mês na Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) pela avó paterna do garoto após receber as imagens em uma rede social. Segundo informou à autoridade policial, a avó paterna assistia televisão na própria casa, quando teria recebido uma mensagem da tia materna do menino. “Vem fazer almoço pra mim, vó. Estou tendo que improvisar um lanchinho”, disse a avó paterna nem depoimento à polícia.
Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário