Lula: “Querem impedir que o povo escolha em quem votar?”


INTEGRAR

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em artigo publicado nesta quinta-feira (19/07) na coluna de Opinão do Jornal Folha de São Paulo critica o governo Temer e reclama da decisão judicial que o impede de dar entrevistas ou gravar vídeos como pré-candidato do Partido dos Trabalhadores (PT). “Parece que não bastou me prender. Querem me calar”, diz ao questionar a decisão da juíza Carolina Lebbos, titular da Vara de Execuções Penais da Justiça Federal em Curitiba.

Além de reafirmar sua candidatura, Lula voltou a dizer que é inocente no caso do triplex. “Eu sou candidato porque não cometi nenhum crime. Desafio os que me acusam a mostrar provas do que foi que eu fiz para estar nesta cela. Por que falam em apartamento “atribuído” em vez de apresentar provas de propriedade do apartamento de Guarujá, que era de uma empresa, dado como garantia bancária? Vão impedir o curso da democracia no Brasil com absurdos como esse?”, contestou.
Nas críticas contra a gestão do MDB, o ex-presidente destaca a ampliação do desemprego, as crianças brasileiras separadas dos país no Estados Unidos, enquanto o governo brasileiro “se humilha para o vice-presidente americano.” “Lá fora o desemprego aumenta, mais pais e mães não têm como sustentar suas famílias, e uma política absurda de preço dos combustíveis causou uma greve de caminhoneiros que desabasteceu as cidades brasileiras”, afirma Lula no texto com o título “Afaste de mim este cale-se”.
FONTE: METROPOLES
Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário