Iniciativas de ressocialização de detentos são apresentadas a Rollemberg


O trabalho de ressocialização adotado no sistema prisional brasileiro pelo projeto Universal nos Presídios (UNP) foi apresentado nesta quarta-feira (4) ao governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg.

Na reunião, que ocorreu no Palácio do Buriti, os representantes do UNP detalharam as iniciativas de atendimento aos internos desenvolvidas em outras unidades da Federação.
Em estados como São Paulo, por exemplo, o projeto oferece atividades de arte e cultura aos apenados. A instituição demonstrou interesse em aplicar o modelo nos centros de internação do Distrito Federal.
A ressocialização de internos é benéfica a toda a sociedade, de acordo com Rollemberg. “O trabalho social permite que a pessoa que está cumprindo pena tenha outros horizontes para sua vida e não incorra nos mesmos erros que a levaram à penitenciária”, afirmou.
As ações permitem a recuperação social do interno, de acordo com o coordenador-geral do UNP, bispo Eduardo Guilherme. “Presídio é para buscar a mudança do ser humano que está ali. Às vezes, o ser humano que está ali deixa de existir para o restante da sociedade”, observou.

Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário