Detran pretende colocar 148 novos pardais em vias do Distrito Federal


 

O Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) publicou edital para contratação de empresa especializada na prestação de serviços de monitoramento e gestão das informações de tráfego e fiscalização eletrônica nas vias urbanas do DF. Pregão Eletrônico nº 5/2021 estabelece que será usado o registrador eletrônico de infrações de trânsito do tipo Reit 11 - pardal.

Será realizada, na próxima segunda-feira (5/4), uma sessão pública para abertura do certame. É nesse momento que as empresas interessadas na licitação podem dar opiniões sobre o documento que será proposto. Segundo o novo edital, a contratação será para a empresa que oferecer o menor preço de serviço, mas o valor estimado no pregão eletrônico é de mais de R$ 22 bilhões (R$ 22.399.427,40). O tempo de duração dos serviços contratados será de 2,5 anos.
O Detran pretende colocar 148 novos pardais no DF e totalizar 326 faixas monitoradas. De acordo com o diretor-geral da autarquia, Zélio Maia, “a nova geração tem sempre procurado realizar as contratações dentro do menor preço possível, mas o valor, inicialmente estimado em R$ 15 milhões, foi considerado inexequível pelas empresas e o pregão restou fracassado”, explica.

Devido a isso, Zélio Maia conta que foi necessário realizar uma nova pesquisa de preços para lançar um edital dentro dos valores atuais de mercado. A expectativa do diretor-geral é ter êxito na contratação o quanto antes e retomar a fiscalização nos 148 pontos em que os equipamentos foram retirados em novembro de 2020.

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário