Restaurante comunitário de Samambaia volta a funcionar de forma presencial nesta segunda (04/01)


 

Os restaurantes comunitários do Distrito Federal voltam a funcionar, de forma presencial, a partir desta segunda-feira (4/1). Os espaços garantem a alimentação diária de mais de 20 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Para garantir a segurança dos frequentadores e funcionários, será preciso cumprir uma série de medidas sanitárias. São 14 unidades no total.

Desde 21 de março deste ano, a área para a alimentação dos restaurantes está fechada. O público pode apenas comprar marmitas e levá-las para serem consumidas em casa.

Antes restritas a duas marmitas por pessoa, não há mais limite em relação à quantidade a ser adquirida, o que fez o número de refeições servidas subir em 2020, mesmo em cenário de pandemia.

Em 2020, 23 mil refeições foram servidas. No ano anterior, a média foi de 21 mil. “Os restaurantes comunitários são muito importantes para a população, principalmente para as pessoas de baixa renda, uma vez que garante uma refeição saudável, de qualidade e com o preço acessível de R$ 1”, afirma a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha.

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário