Decreto autoriza reabertura de todos os templos religiosos




O governador Ibaneis Rocha autorizou a realização de cultos, missas e rituais religiosos em todos os templos. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta sexta-feira (14/8), em edição ao decreto de nº 40.846, de 30 de maio. Até então, apenas espaços com capacidade para mais de 200 pessoas poderiam reabrir as portas.

Agora, não há mais a restrição. Em julho, o governador já havia reconhecido as atividades religiosas como serviços essenciais para a população do DF em situações de calamidade pública, emergência, epidemia ou pandemia, o que permitiu a reabertura dos templos.
Para funcionarem, no entanto, os espaços devem seguir algumas regras: todos devem ter, na entrada, disponibilização de álcool em gel 70%, para higienização de mãos e calçados. Também é preciso cumprir afastamento mínimo de um metro e meio de uma pessoa para outra, com demarcação específica nas cadeiras dos locais para acomodação dos fiéis.
Assentos devem estar dispostos em fileiras alternadas, sendo uma ocupada e uma não. Permanece a proibição do acesso para crianças menores de 12 anos, além de pessoas enquadradas no grupo de risco para covid-19.



Na última quarta-feira (12/8), o governador liberou a participação de pessoas maiores de 60 anos em missas, rituais e cultos na capital.
Está proibida a entrada de pessoas sem máscaras. Na entrada, deve ser feita aferição de temperatura dos fiéis, vedando acesso de quem indicar 37,3 ºC ou mais.

Correio Braziliense 


Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário