“Eles simplesmente não cumpriram nada, quiseram me enganar” diz ibaneis aos comerciantes




DROGACENTER

Nesta terça-feira (16), após ser anunciado que a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio-DF) não cumpriria com a promessa da obra de uma unidade de saúde e das doações para hospitais que lutam no combate ao coronavírus, o governador do DF, Ibaneis Rocha, afirmou, em entrevista ao Balanço Geral, que eles “não cumpriram nada”.

“Eu venho de uma área que, quando a gente coloca na mesa as nossas intenções e assina um documento, a gente cumpre. Ele simplesmente não cumpriram nada, parece que queriam enganar o governo para que eu reabrisse o comércio”, disse o governador, se referindo às promessas da Federação.
Um mês após anunciar a construção de um hospital de campanha de 400 leitos, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio-DF) decidiu recuar de mais uma promessa feita ao Governo do Distrito Federal (GDF). Depois de desistir da obra da unidade de saúde que seria entregue em até 30 dias, a entidade sindical desistiu de doar equipamentos e utensílios de saúde acordados com o governo local como compensação à reabertura do comércio na cidade.

A informação de que a Fecomércio-DF estaria disposta a desistir da doação dos equipamentos para o sistema de saúde foi confirmada por uma fonte do alto comando do governo local, que demonstrou irritação com a informação. Segundo esta fonte, levando em consideração o cenário atual de pandemia causado pelo novo coronavírus, a desistência, além de ser “um absurdo total”, é “muito ruim” para o sistema de saúde da cidade.

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário