Dos 428 leitos para covid-19 no DF, 289 estão ocupados




Com 10.907 casos ativos de covid-19, até o início da tarde desta segunda-feira (22), a rede pública de saúde do Distrito Federal enfrenta a pandemia com 428 leitos para internação, entre próprios e contratados. Destes, 289 estavam ocupados e 139 encontram-se reservados, segundo dados da secretaria de Saúde do DF, por meio da sala de situação. Portanto, o percentual de leitos ocupados na rede pública até 16h de hoje era de 67,29%. A mesma pesquisa revela que 87,20% dos pacientes internados em terapia intensiva ocupam o leito por até 15 dias; 9,34% ficam no leito de 16 a 30 dias e apenas 3,13% utilizam o leito por mais de 30 dias.

No Hospital de Base do Distrito Federal, dos 65 leitos para pacientes de covid-19, 61 estavam ocupados e 4 permaneciam reservados, até as 16 horas de hoje. O Hospital Regional da Asa Norte conta com 26 leitos de para pacientes com coronavírus, estando 17 ocupados e nove livres. O Hospital da Ceilândia reservou 30 leitos para atender a pandemia. Destes, nove se apresentavam ocupados e 21 permanecem reservados. Já o Hospital de Santa Maria tinha 86 leitos ocupados, dos 100 que foram reservados. O Hospital Universitário reservou 12 leitos e apenas um encontra-se disponível.

Apenas duas unidades hospitalares no DF dispõem de leitos para crianças. O HRAN, referência no tratamento do coronavírus, tem 12 leitos de tratamento neonatal, dos quais três estavam em uso hoje à tarde. No mesmo horário, o Hospital da Criança de Brasília, que dispõe de dez 10 internações de crianças, acusava a ocupação de sete.
Já com relação a internações em enfermarias, a rede pública dispõe de 433 leitos, sendo 256 no Hospital Regional da Asa Norte (HRAN) e 177 no Hospital de Campanha do Mané Garrincha. No HRAN 148 estavam ocupados e 108 vagos; no Mané Garrincha, a situação era de 124 ocupados e 53 vagos. O percentual de ocupação era de 63,97%. De acordo com dados da secretaria de Saúde, hoje às 16 horas, havia lista de espera de 64 pessoas por leitos de UTI. Essa lista não era de pacientes de covid-19.



Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário