Família tem esperança que bebê de 6 meses saia da UTI


SJV FAZENDO ARTE
A pequena Katlen Pereira, de 6 meses, não tem previsão de quando deve receber alta do Hospital de Base. A garotinha está internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) após ser vítima de um incêndio que tomou conta da casa em que morava com a família, no Conjunto 17 da QR 425 de Samambaia.

Na manhã desta quarta-feira (26/02/2020), Romária Pereira da Silva, 31 anos, perdeu o segundo filho vítima das chamas, Adryan Pereira, 4. Após a morte da criança, a família pede orações pela bebê, que segue em estado grave desde domingo (23/02/2020), quando sofreu queimadura de 2° grau no rosto e braço.
“O que o médico passou para a família é que o pulmão dela está bem debilitado, porque ela inalou muita fumaça. As queimaduras na bochechinha, no braço e perna estão sendo tratadas. A equipe faz curativo, renova atadura, dá medicação. Mas, agora, o caso se torna grave por conta do pulmãozinho”, disse ao Metrópoles o encarregado de manutenção José André da Silva, 43, tio de Romária.

“A nossa esperança é a recuperação dela. É onde a gente está se apegando ainda mais com Deus, para que ela se recupere o mais rápido possível. Isso, para nós, vai ser uma vitória muito grande, porque a família está sofrendo muito com as perdas que tivemos”, desabafou o homem.
Adryan foi a terceira vítima do incêndio a falecer. As chamas também tiraram a vida de Kyara Pereira, 2, e do padastro de ambos, Daniel Pereira Lopes, 35. A menina foi enterrada na terça-feira (25/02/2020), em Taguatinga. Daniel será sepultado na tarde desta quarta, na Asa Sul.


Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário