Após dois assassinatos, motoristas de app protestam: “Luto”



Após dois homicídios em 48 horas, motoristas de aplicativo farão uma manifestação no começo da tarde desta segunda-feira (14/10/2019) para pedir mais segurança. O protesto está marcado para começar às 13h30. A concentração será no Taguaparque. De lá, os condutores, que já estão circulando com a palavra luto nos veículos, seguem para o Cemitério de Taguatinga, onde Henrique Coelho, 25 anos, uma das vítimas, vai ser enterrada.
Cinco adolescentes foram apreendidos pela Polícia Militar nesse domingo (13/10/2019). Eles são suspeitos de roubar e matar o motorista de aplicativo. Os menores estavam com o carro e outros pertences da vítima. À PM, eles deram detalhes do crime e disseram que estrangularam Henrique porque o rapaz teria reagido ao assalto. O corpo do rapaz foi encontrado no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA) por um taxista.

A Polícia Civil também investiga a morte de outra vítima. Tiego Cavalcante, 28, foi assassinado na Área de Desenvolvimento Econômico (ADE) de Samambaia na noite de sexta-feira (11/10/2019). Ele também trabalhava como motorista de aplicativo de transporte. Amigo de Tiego, o barbeiro Jonathan Gonçalves, 28, disse que o motorista era “uma pessoa maravilhosa”. “Ajudava os outros e gostava muito de trabalhar”, contou. Tiego trancou a faculdade de direito e se dedicava ao trabalho com os aplicativos e às artes marciais, treinando krav magá e jiu-jitsu.



Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário