Jogador da base do São Paulo começou em projeto na Samambaia



Destaque do São Paulo Futebol Clube e convocado para a base da Seleção Brasileira, Weverson Costa, de 19 anos, é um dos jovens brasilienses que conseguiram chegar aos campos profissionais do país. O lateral conta que deu seus primeiros chutes por conta de um projeto social em Samambaia. A caminho do primeiro grande gol da vida, ele passou pelo Centro Olímpico da região administrativa.  O projeto trabalha com voluntários.



“Em Brasília, existem muitos projetos sociais voltados para o futebol. Não só o Naturezinha, que eu participei. Os projetos tiram jovens das ruas e colocam em um lugar onde são motivados a irem atrás dos seus sonhos”, conta o atleta, que está no clube paulista desde os 13 anos de idade. Sobre a trajetória dele nos campos de futebol em Samambaia até os gramados nacionais, ele diz que sempre teve ambição de se tornar um jogador e quando surgiam oportunidades, ele e a família participavam.


O criador do projeto, Manoel Naturezinha, diz que ainda não conseguiu retomar o projeto por causa de um problema de saúde. A iniciativa tem por finalidade a inclusão de jovens da comunidade.
Campo sintético
Vinycius Cardoso, de 16 anos, é um dos jovens beneficiados pelo projeto Shalke 12. Desde os 13 anos de idade jogando pelo time, ele conta que ficou sabendo do projeto através de amigos, após dar início às atividades, passou a se dedicar mais aos estudos e precisou abrir mão de muita coisa devido aos treinos e jogos.
Ele acrescenta que seu maior sonho é o de se tornar um jogador profissional,  pois é o que ele mais ama apesar das dificuldades. O adolescente também participa do Centro Olímpico de Samambaia e vê no projeto uma maneira de ter uma visibilidade maior no mercado do futebol.
Iniciado em 2008, atualmente no campo sintético da quadra 311 de Samambaia Sul, o projeto Shalke 12 já revelou três atletas profissionais. De acordo com o criador do projeto Farion Souza, são atendidos cerca de 180 pessoas, entre  meninas e meninos a partir de seis anos de idade. A ideia principal do projeto é tirar crianças e jovens das ruas. “A ideia é levar uma mensagem positiva e oferecendo uma oportunidade através do esporte”. As turmas se reúnem aos sábados em diferentes faixas etárias.

FONTE: JORNAL DE BRASÍLIA

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário