Mulher desaparecida em aplicativo inventou sequestro, diz marido




A vendedora Eliane de Oliveira Santos, de 23 anos, que estava desaparecida desde o dia 24, foi encontrada na noite deste domingo (26), após entrar em contato com um amigo do marido e informar que esperava ao lado de um terminal de ônibus em Embu Guaçu, região metropolitana de São Paulo.
Segundo o marido dela, o cozinheiro Jair Alves da Silva, de 38 anos, a vendedora disse que queria passar um tempo fora de casa e por isso inventou a história do sequestro.

De acordo com a RecordTV, há oito meses Eliana já havia saído de casa sem dar notícias à família e ido para a casa de uma amiga em Carapicuíba. 
O caso
Na última sexta-feira (24), a vendedora acionou um carro pelo aplicativo da 99 para voltar da casa da irmã, que fica a dois quilômetros de onde mora.
Segundo o marido, quando estava no carro, Eliane Santos mandou uma mensagem que dizia que o motorista havia passado o destino e seguia outro caminho.  

Durante o percurso, ela afirmou que o motorista a ameaçou de morte caso a Polícia fosse acionada. Ele estaria armado e queria roubar o celular dela.
Jair procurou a polícia logo depois de sair do trabalho. Ele tentou ligar diversas vezes para o celular da esposa, mas não havia sinal. Na madrugada de domingo (26) uma pessoa atendeu a chamada. Ao fundo, o marido ouviu uma mulher gritar por socorro.
Um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Itapecerica da Serra no último sábado (25).

Share on Google Plus

About CRIATIVO PUBLICIDADE

0 comentários:

Postar um comentário