Valor do gás de cozinha vai subir

VALOR DO GÁS DE COZINHA VAI SUBIR.

Petrobrás autorizou reajuste médio de 8,5% para botijão de 13 kg vendido às distribuidoras. Sindicato dos revendedores do DF diz que valor será repassado ao consumidor.

O preço do botijão de gás de 13 quilos no Distrito Federal deve passar dos atuais R$ 73,25 – em média – para R 79,83. O reajuste, a partir desta terça-feira (6), se deve ao aumento do preço estipulado pela Petrobrás para as distribuidoras.

Segundo a empresa, o reajuste médio é de 8,5%. O botijão, que estava com o preço congelado desde julho, em R$ 23,10, passará para R$ 25,07. A estatal afirma que o aumento ocorre principalmente devido a desvalorização do real frente ao dólar e a elevações nas cotações internacionais do GLP.

O presidente do Sindicato dos Representantes de GLP no DF disse que o preço na capital federal deve passar dos atuais R$ 73,25 para R$ 79,83. Para Sérgio Costa "está difícil para o setor gerenciar uma alta que pode chegar a 9%".

"As empresas não têm condições de abraçar este reajuste. O valor será repassado ao consumidor."

De acordo com Costa, as 352 revendas de gás de Brasília têm enfrentado redução nas vendas. "Algumas empresas que usavam GLP estão usando diesel e até lenha por conta dos reajustes", afirmou.

Como é definido o preço do gás
O valor do botijão vendido às distribuidoras não é o único determinante do preço final ao consumidor. Além de terem liberdade para praticar preços, as distribuidoras devem ainda incorporar o valor de impostos e outros custos.

Segundo a Agência Nacional do Petróleo (ANP), os consumidores pagavam no país, em média, R$ 68,59 pelo botijão na semana passada. Na semana anterior, esse valor havia ficado em R$ 68,34.

Com isso, a empresa explicou que o botijão acumulará alta de R$ 0,69, ou 2,8% desde janeiro, quando passou a ter reajustes trimestrais. A referência para os preços, segundo a Petrobras, continua a ser a média dos preços do propano e butano comercializados no mercado europeu, acrescida da margem de 5%.
Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário