Recompensa de R$ 100 mil pode ser paga por informação da morte de Marielle


O governo federal estuda uma recompensa de R$ 100 mil para testemunhas que tenham informações que possam levar à prisão dos assassinos da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ).

A informação é do portal de notícias de G1, que diz ainda que o Palácio do Planalto já deu “sinal verde” para o recurso. A legislação brasileira permite a recompensa financeira a pessoas que oferecerem informações úteis para a prevenção, repressão de crimes ou atos ilícitos administrativos.

 Balanço deste final de semana aponta que o Disque-Denúncia já recebeu 22 ligações com informações sobre o caso. O conteúdo não foi divulgado. O serviço garante o anonimato. 

A meta do governo é agilizar a prisão dos envolvidos, em razão da grande repercussão do assassinato da política no Brasil e no mundo.
Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário