Manifestantes ameaçam invadir a Coca-Cola, em Taguatinga


Manifestantes ligados ao Movimento Sem Terra ameaçaram invadir a Brasal Refrigerantes, a ‘Coca-Cola, em Taguatinga, por volta das 6h30 desta quinta-feira (22). Segundo a Polícia Militar, o grupo chegou ao local em cinco ônibus e ainda quebrou um vidro da fábrica de bebidas. Por volta das 7h, os manifestantes deixaram o local rumo ao Pavilhão, no Parque da Cidade.
Ainda de acordo com a PMDF, ao desembarcar no Pavilhão, os manifestantes se juntaram a outro grupo que já estava concentrado no lugar. Por volta das 8h, eles faziam uma marcha em direção à Esplanada dos Ministérios, com faixas, cartazes e carros de som. A polícia contabiliza cerca de 400 pessoas no protesto.
“Denunciamos as transnacionais Nestlé, Coca-Cola, Ambev, Suez, Brookfiled (BRK Ambiental), Dow AgroSciences, entre outras que expressam o caráter do ‘fórum das corporações’”, escreveram os movimentos em manifesto divulgado, referindo-se ao 8º Fórum Mundial da Água, que conta com a presença das multinacionais. Para os movimentos, a intenção é privatizar Aquífero Guarani para a produção de bebidas.
Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário