Faça xixi na terra e cocô em jornal, orienta CLDF contra crise hídrica


Após registrar aumento de consumo e de gastos com a fatura da Caesb no edifício-sede, a Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) lançará, na quarta-feira (28/3), a cartilha Água – Manual de Sobrevivência à Crise Hídrica. O documento de 48 páginas prega mudanças inusitadas de hábitos, como a “interdição do vaso sanitário”.
Uma das dicas, segundo o texto assinado pela Frente Parlamentar Ambientalista, coordenada pelo distrital Chico Leite (Rede), é simples: usar jornais.
“Parece um absurdo, mas se não há previsão de volta da água, essa é uma necessidade sanitária e de conforto, porque vai evitar insetos e mau cheiro na sua casa”, registra o documento. Segundo a cartilha, “a urina pode ser recolhida e ir para a terra. As fezes, depositadas sobre jornal e depois embaladas em plástico para seguirem o mais rapidamente possível para o aterro sanitário”.
 No fim, o texto pede que as medidas sejam adotadas com “a mente e o coração abertos”. E finaliza: “Sua criatividade e bom senso serão muito importantes quando surgirem situações imprevisíveis”.
Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário