Operação "Check List" investiga recebimento de propina na Secretaria de Mobilidade

Foto: divulgação
Nesta sexta-feira (01/08) a Polícia Civil e Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) executam a operação Check List contra irregularidades no transporte.

Servidores da Secretaria da Mobilidade do Distrito Federal estão sendo investigados, eles estariam recebendo propina de cooperativas para deixarem de vistoriar ônibus sem condições de trafegar.


Esses servidores de acordo com a investigação estão lotados na Subsecretaria de Fiscalização, Auditoria e Controle (Sufisa). Foram executados 14 mandatos de prisão temporária, 16 buscas e apreensão e duas conduções coercitivas. 

De acordo com o delegado Robson Almeida, adjunto da Coordenação de Repressão aos Crimes Contra o Consumidor, a Ordem Tributária e a Fraudes (Corf), um dos principais alvos é o ex-policial militar do DF, Valdir Luiz de França (foto), ele é responsável por uma cooperativa e pagava propina para poder circular livremente. A operação está sendo coordenada pela 2ª Promotoria de Defesa do Patrimônio Público (Prodep).

Eduarda Fernandes




Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário