Quadrilha junina de Samambaia se prepara para temporada de 2017, no ano que completa 25 anos

Inovação, profissionalização e valorização da cultura popular brasileira vão  marcar o trabalho da Quadrilha "Si bobiá a gente pimba!" em 2017!


Os movimentos juninos de Samambaia ganham força, cada vez mais, com o passar dos anos. Grupos de quadrilha de São João como "Êta Lasqueira", "Pau Melado", "Chapéu de Palha" e "Flor do Mamulengo" representam a cidade com muita propriedade e qualidade. E pensando em evoluir e alçar novos voos e novas conquistas, o grupo folclórico "Si bobiá a gente pimba!" apresenta uma nova proposta de encenação, aliando teatro à já tradicional dança típica das quadrilhas. 
A história da Menina Luzia, já contada pela "Pimba" em edições anteriores, deu lugar a um novo tema, que dialoga com a cultura dos bonecos de mamulengo e da contação de histórias populares. A exemplo das escolas de samba do Rio de Janeiro e São Paulo, um novo tema está sendo apresentado nos arraiais de Brasília. O "enredo"  "A Peleja do Vaqueiro Benedito contra o Coroné João Redondo para uma noite de São João” é a nova aposta do grupo, que buscou inspiração no conto de Futuka Ferreira, que mostra a história de um sertanejo que luta pelo amor de sua amada. num jogo de humor e diversão característico das empanadas de mamulengo do nordeste do Brasil.
A versão da apresentação de 2016 é colorida, inusitada e com minucioso trabalho de cenografia, figurino e maquiagem. Numa ação inédita, a "Pimba" foi aprovada pelo edital de manifestação folclórica do FAC DF, legitimando sua importância e relevância na cena cultural brasiliense. A aprovação e contemplação pelo incentivo da Secretaria de Cultura auxiliou na profissionalização dos membros, que desempenharam um papel essencial para o sucesso da quadrilha, dos bastidores até as luzes de arenas lotadas de pessoas em festas, quermesses e disputas típicas.
Quem faz a engrenagem da "Si bobiá a gente pimba!" funcionar a todo o vapor são os próprios participantes, que acreditam no potencial da cultura popular de Samambaia, do Nordeste e do Brasil... Meses antes das apresentações de junho e julho, dezenas de pessoas se reúnem para discutir temas, buscar inspiração em outros estados do país, fazer intercâmbio com outros representantes da cultura popular e, enfim, montar o protótipo do que vai ser o espetáculo final. Engana-se quem pensa que somente de dança, ensaios coreográficos e marcações cênicas uma quadrilha é composta. Há também muito esforço, dedicação, barulho de serra, furadeira, martelo e suor! Os ensaios à noite durante a semana entram contam com a participação de atores, bailarinos, vendedores, donas de casa, ambulantes e professores, que trabalham juntos para o show continuar com beleza, qualidade e ousadia, o que pode ser visto nas belas imagens capturadas por Limoncito Oliveira que  encantam os olhos do público e consolidam a "Si bobiá a gente pimba!" como importante representante da arte produzida nas ruas, esquinas e madrugadas do DF.

Essa força, esse espírito de guerreiro sertanejo e a vontade de evoluir sempre fazem da quadrilha "Si bobiá a gente pimba!" um bom exemplo a ser contado, noticiado, assistido e aplaudido.

A programação oficial das apresentações da Pimba em várias cidades do DF pode ser conferida na Fan Page do grupo, que possui sede em Samambaia Sul. Confira:https://www.facebook.com/quadrilhasibobia.agentepimba

Todas as apresentações pelas cidades do DF são gratuitas.
Informações: 85709893/33571165
Share on Google Plus

About Criativo Publicidade

0 comentários:

Postar um comentário